0

Croissants de Chocolate

Making of
A nossa pequena anda muito ativa na cozinha.Quer fazer um pouco de tudo, mas tem que começar pelas coisas mais simples.Massa folhada, quadradinhos de chocolate, um cortador e uma exemplificação, foi o que bastou para um resultado final perfeito.
Croissants de Chocolate
O forno continua a ficar por minha conta.

2

Gelado de Amora

Gelado de Amora
E finalmente a filha fez o gelado de amora. A cuba da máquina de fazer gelados não foi logo guardada no congelador e isso atrasou o processo. Agora que veio a chuva, mas isso não nos impede de saborear esta delícia. Dentro de casa ainda não se sente os dias a ficarem mais frescos.
Gelado de Amora
A receita é a mesma. Este é o meu gelado preferido!

Algumas considerações acerca da nossa máquina de fazer gelados aqui.

0

Molho de Tomate

Molho de tomate
E lá fiz o molho de tomate. Não segui nenhuma receita, utilizei o que tinha em casa sem me preocupar muito com a quantidade dos ingredientes. Coloquei azeite num tacho grande, o tomate sem pele e cortado aos pedaços, alho, sal, coentros, louro e um pouco de pimenta. Deixei cozinhar durante bastante tempo, até o caldo secar bastante, mas não totalmente.
Molho de tomate
Triturei depois tudo na Bimby ( em duas vezes) e guardei em frascos esterilizados. Agora descansa na despensa até ser utilizado.

1

Mini-pizzas

Mini-pizzas
Por estes dias fiz umas mini-pizzas, que não são mais do que, rodelas de massa folhada que pico com um garfo e onde coloco um pouco de molho de tomate, fiambre, queijo mozzarella e orégãos.
Mini-pizzas
Vão ao forno bem quente e nuns breves minutos ficam prontas.São tão simples que até os mais pequenos podem prepará-las e depois de prontas cabem em mãos pequeninas.

1

Compota de Limão

Compota Limão
Numa altura em que, os limões são abundantes resolvi fazer uma compota de limão.Não encontrei uma receita ao meu agrado pelo que resolvi improvisar um bocadinho.
Compota Limão
Cozi nove limões num tacho com água e os quais fui picando com o garfo ocasionalmente.Quando ficaram macios, retirei-os do tacho, parti-os aos pedaços e retirei os caroços.Depois com a ajuda preciosa da Bimby coloquei 1 kg dos limões cozidos que triturei na velocidade 8 durante uns segundos, até obter um creme sem grumos.Juntei 500 gramas de açúcar de compota e voltei a misturar uns segundos na velocidade 4.Adicionei ainda 500 gramas de açúcar branco e 200 mililitros da água da cozedura que voltei a misturar uns segundos na velocidade 4.Cozinhei depois 30 minutos, na temperatura 100º, velocidade 2.Esterilizei entretanto, 3 frascos e respectivas tampas no forno durante 10 minutos, à temperatura de 100º.Coloquei a compota nos frascos e tapei imediatamente.
Não obtive propriamente uma compota doce para barrar no pão, mas servirá certamente para fazer tortas ou tartes.

5

Bolo de Cenoura

Bolo de cenoura
Triturei 3 cenouras médias (deu 280 gramas), juntei 3 ovos grandes, 1 medida e meia de açúcar, 1 medida e meia de farinha, meia medida de óleo alimentar e uma colher de chá bem cheia de fermento.
Bolo de cenoura
Levei ao forno numa forma untada a 150º de temperatura.
Bolo de cenoura
Fui verificando a cozedura com um palito.Desenformei e fiz uma cobertura de chocolate conforme a receita original.
Bolo de cenoura
Eu sei que nós somos cinco ( e gulosos ), mas quase que não há bolo.

NOTA: A medida que usei é a de 250 mililitros e reduzi as medidas da receita original, porque achei que era demasiado açúcar  e óleo para a quantidade de cenoura e funcionou.

2

Bolachas Belgas

Bolachas Belgas
Recentemente estive a fazer bolachas belgas.Preparei a massa na Bimby batendo durante alguns segundos: 250 gramas de açúcar, 2 ovos, 250 ml de leite, 125 gramas de manteiga e 250 gramas de farinha.Depois fui deitando pedaços desta massa na máquina de bolachas belgas e foram saindo bolachas douradas e macias que se devem moldar a gosto enquanto estão quentes.Quando arrefecem, tal já não é possível, porque partem-se.
Máquina Bolacha Belga
Depois de feitas as bolachas devem guardar-se numa caixa fechada para não ficarem moles.Cá em casa duraram pouco.
1ª Experiência
A primeira vez que utilizei esta máquina, como estava calor fiz taças e cones de gelados.

2

A nossa pizza

Pizza
A nossa pizza preferida é a com tomate, fiambre e queijo mozzarella e por ser tão simples, sempre que a faço requisito a ajuda de um dos filhos mais velhos. Os passos são simples quando temos os ingredientes todos na bancada: a massa de pizza, o ketchup, o fiambre, o queijo, óleo e orégão. Começo por untar o tabuleiro de pizza com óleo, coloco a massa da pizza e ajeito as pontas. Depois o resto do trabalho é com um deles que, pica a massa com um garfo para evitar que esta levante, espalha algum ketchup, coloca as fatias de fiambre por cima e polvilha com muito queijo. Finaliza o trabalho com salpicos de orégão.Eu passo um fio de óleo por cima da pizza e levo ao forno a 200 graus.Em poucos minutos fica pronta, convém não deixar cozinhar demasiado para não ficar muito dura.

🙂