1

Alfaces na estufa

Alfaces
No outro dia no Pinterest deparei-me com esta ideia.As alfaces que tenho na horta pouco têm crescido e pensei como seria o seu crescimento desta forma na estufa.Esta ideia acaba por ser muito prática já que, apenas regamos a primeira alface.Como temos que fazer um furo em cada tampa, depois acaba por funcionar como um sistema de rega gota a gota.Já me aconteceu regar num dia e no dia seguinte ainda estarem a cair gotas para as outras garrafas.Falta agora perceber se as alfaces crescem mesmo e quanto tempo demoram a ficarem prontas para consumir.Resumindo, precisamos de 5 garrafas de plástico vazias (eu utilizei garrafas de água) em que cortamos um círculo no fundo de forma a encaixar as outras garrafas e para regarmos mais facilmente a do topo e um rectângulo na lateral.Depois temos que fazer um furo na tampa com a ajuda de um prego ou de um parafuso e de um martelo.Eu utilizei ainda uma sexta garrafa que cortei pela metade para recolher a água da primeira garrafa e para esta não cair para o chão.Depois é só colocar terra e plantar as alfaces e claro regar com regularidade.

As minhas garrafas estão atadas à prateleira para não cairem.É algo que qualquer pessoa pode fazer, mesmo morando num apartamento, com a ajuda dos filhos também se torna uma actividade interessante.

0

Uma dúzia

Jardim
Este ano devido ao início do projecto que tenho para o monte, tenho andando mais atenta aos cuidados que as árvores precisam.E é sempre com alguma tristeza que vou observando a nossa cerejeira, primeiro fica cheia de flores, depois de frutos e depois é ver as cerejas secarem pouco a pouco.Perante isto e pela primeira vez em vários anos decidi aplicar um produto específico para o vingamento dos frutos.Eu sou um bocadinho contra estas coisas, prefiro que tudo aconteça naturalmente.Mas a verdade é que ao longo dos anos, não aconteceu nada.A cerejeira simplesmente não deu cerejas.Houve um ano que deu uma.
Uma dúzia
Sei agora que deveria ter aplicado o produto mais cedo, logo desde a floração.Mas mesmo assim, só com uma aplicação obtivemos uma dúzia de cerejas.Foi uma festa, os miúdos só diziam está ali uma e ali outra.Algumas estão bicadas pelos pássaros, mas aquela que me calhou era saborosa.

2

I´m in the garden – Em crescimento

I'm in the garden!
Esta semana estive a ajeitar os vasos da janela da cozinha.A pôr alguma terra, a enfeitar com pedras e conchas e a limpar as folhas secas.
Bagas Goji
A lycium barbarum tem crescido bem, transferi alguns pés para a rua, mas foi naquela semana que choveu muito.Não morreram, mas têm crescido pouco.Os pés que estão em casa estão mais vistosos e por aqui ficarão enquanto se aguentarem no vaso.
Lavanda
Depois tenho alguns pés de lavanda. É difícil fazer crescer lavanda do zero, a semente demora-se na terra, depois cresce uma planta muito sensível e nem mesmo com um pouco de adubo ela deu o salto.Cresce muito lentamente e torná-la uma planta crescida e forte vai ser um desafio.
Couve
No meio da lavanda cresce ainda uma couve vinda de alguma semente perdida e um tomateiro.Muitas vezes quando estou a lavar a loiça e encontro sementes de tomate coladas aos pratos, coloco-as num destes vasos e já não é a primeira vez que nascem.
Tomateiro
É o caso deste que discretamente foi crescendo, crescendo e agora está enorme.Os tomateiros que tive na horta, mal tinham tomates pequeninos verdes eram imediatamente colhidos pelo filho mais novo.Por mais que lhe explicasse para não o fazer, não surtia efeito pelo que, agora fiz uma pausa desta planta na horta.

2

Nos meus dias

Jardim
mais melancólicos, e quando a chuva deixa ( o que tem chovido nestes dias!) vou até ao meu pequeno jardim. As plantas começam a precisar de poda para se renovarem e é algo que gosto de fazer.
Jardim
Houve alturas em que, mesmo pequeno o jardim tinha muitas flores.Agora as poucas que tem vão sendo colhidas pelo mais novo desta casa.Nada escapa às suas mãos pequeninas, as lagartas e caracóis que se escondam, se não quiserem ter um fim menos digno.
Katty
As patudas cá de casa observam atentamente os meus passos. 😉

0

I´m in the garden – O nosso jardim

I'm in the garden!
E hoje vou deixar aqui algumas imagens do nosso pequeno jardim.
Jardim
Ele ganhou flores nos últimos dias.E estas são as preferidas das abelhas.
Jardim
O chá lúcia-lima começou agora a rebentar.No Inverno dou-lhe um bom corte para obter novos ramos.
Jardim
A nossa cerejeira dá flores lindíssimas, já cerejas…
Jardim
E as hortênsias estão muito viçosas, mas ainda não têm flores.

4

Nascer

Manjericão

Olho atenta para as minhas sementeiras, mas com estes dias frios e chuvosos de Primavera, as sementes demoram-se na terra. Aproveito a chuva e faço pesquisas de sementes biológicas, imagino-me com uma grande horta, com um sem número de variedades de legumes, algumas bem estranhas até. Sempre fui assim, uma pessoa que sonha acordada, que idealiza, que está sempre a magicar. Apenas os sonhos foram mudando ao longo dos anos e acho que independentemente da idade que tiver, estarei sempre com algum projecto na cabeça.

A chuva cai lá fora e eu dedico-me aos vasos que tenho na janela da cozinha. Corto o manjericão e dou mais uma oportunidade ao tomilho que continua pequenino, os coentros são todos arrancados e no vaso do cebolinho cresce também erva cidreira.

0

Semear em Março

I'm in the garden!
Março é um bom mês para iniciar algumas sementeiras. Nos últimos tempos tenho guardado várias sementes e agora vão revelar-se bastante úteis. Tenho também algumas que ocasionalmente vou comprando.
Semear
É mais fácil iniciar uma horta utilizando plantas, a probabilidade de sucesso é maior. Recorrer às sementes, é mais trabalhoso, mas também é uma actividade terapêutica (lá estou eu com a terapia).
Semear
E por aqui, na falta de recipientes, utiliza-se as caixas vazias dos ovos. Eu não compro ovos, como sabem, mas tenho quem me guarde estas caixas e me dê.
🙂