Dias atarefados

A gravidez deixa-me mole.Demoro imenso tempo a fazer uma simples tarefa.A barriga pesa e obriga-me a caminhar devagar, não consigo dar grandes passadas.Às vezes desanimo e penso como vou aguentar as 10 semanas que faltam para a data prevista do parto.Depois penso: talvez nasça antes, e se assim for faltam menos dias.

Tenho quase tudo pronto para o receber, este bébé chutão, o jogador de râguebi como o médico diz e é inevitável não pensar e não temer o futuro.E não me digam para não pensar nisso, é claro que penso nisso, como posso não pensar nisso… O mesmo mês, o mesmo hospital, o mesmo piso, quem sabe as mesmas pessoas.Peço apenas um desfecho diferente.

Os filhos animam-se, interagem com a barriga, levam chutos nas mãos, anseiam pela chegada do mano.

-Ó mãe, quando é que o bébé nasce?

Anúncios

One thought on “Dias atarefados

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s